Estou usando o Comodo Firewall. Correndo o risco de ser precipitado, estou achando-o o melhor firewall pessoal do mercado.

A começar pela licença. Free. Grátis. E para sempre. E não é por ser free que várias funções estão desabilitadas. Na verdade, não existe uma versão paga do Comodo. E as funções deles atendem a quase todas minhas exigências (sim, sou chato).

Eu comentei uma vez aqui sobre o Kerio Personal Firewall. O fato que culminou com a sua desinstalação do meu micro foi que, quando a licença free acabava, as funções realmente legais dele sumiam. Isso me deixou profundamente chateado. : D

O Comodo pode ser utilizado por leigos, pois utiliza a já consagrada forma de configuração: perguntar por autorização a cada acesso de programas à Internet. Isso pode vir a ser chato. Por isso, o Comodo já traz uma lista de softwares “confiáveis”, que já tem as permissões garantidas.

Além disso, ele possui funções que monitoram comportamentos suspeitos de programas, como tentar carregar DLLs dentro da memória de outros processos.

Outra parte interessante é a lista de conexões atuais. Cada trinômio aplicativo/IP/porta está listada. É possível “matar” cada conexão.

Mas o que mais chamou a atenção no Comodo é a possibilidade de incluir REGRAS COMPLETAS como se estívessemos utilizando o iptables, por exemplo (mas com a vantagem de uma interface gráfica). É possível por exemplo, definir uma regra que bloqueia tráfego TCP vindo de um conjunto de IPs por uma porta específica.

Outro motivo do Comodo estar na minha lista de aprovados é seu baixo consumo de memória. Agora, ele está consumindo 1,7 MB de RAM. Muito bom!

Ainda vou realizar um stress-test com ele quando eu estiver usando a banda larga da USP. : D

No tag for this post.